7 erros que você comete ao tentar emagrecer

Rate this post

 

7 erros que você comete ao tentar emagrecer

7 erros que você comete ao tentar emagrecer

Dietas milagrosas e ficar sem comer e e ficar com fome são alguns dos mitos que mais são realizados pelas pessoas que desejam perder peso.

Erro nº 1: você procura um modo rápido de enganar seu corpo para perder peso

A maioria das dietas são configuradas para aplicar um “truque” no seu corpo e manipulá-lo para perder peso. Isso geralmente é feito cortando um grupo de alimentos e nutrientes (como proteína, carboidratos, gordura) ou calorias em geral.

Isso SEMPRE tende a ser um grande fracasso porque você só pode enganar seu corpo por um momento a curto prazo e, em seguida, haverá uma reação e ele tende a se rebelar, na maioria das vezes recuperando alguns quilos extras que foram perdidos. Pensar que os resultados virão da noite para o dia é um dos maiores inimigos da perda de peso.

Você tem que respeitar seu corpo para que resultados aconteçam, sendo saudável para emagrecer, e não emagrecendo para ser saudável. Se reeducando e buscando ser saudável sem pressa de emagrecer a perda de peso pode ser alcançada naturalmente, de forma mais sustentável e mantendo seu peso por mais tempo, o que é o mais difícil depois de se lograr êxito com determinada dieta ou reeducação.

Erro nº 2: excesso de exercício para queima de calorias

Muito exercício, especialmente quando sua dieta é pobre ou suas calorias ingeridas estão abaixo do ideal para tal prática, é uma das maneiras mais comuns de informar ao seu corpo que algo está errado e consequentemente, enganando ele.

Quando você tem um déficit acentuado de energia (menos calorias chegando do que indo embora), ao longo do tempo seu corpo começa a assimilar que o alimento e energia está escassa. Isso acaba resultando com que seu corpo armazene gordura como uma forma de proteção.

Para fazer uma analogia, pense em seu corpo como uma casa. Se você não está ganhando dinheiro suficiente para pagar as contas da sua casa, o que você faz? Bem, você pode economizar, desligar as luzes quando você não está em determinado cômodo, não ligar o ar condicionado e até mesmo dispensar a empregada para compensar.

O seu corpo funciona da mesma forma. Quando você não tem calorias suficientes, o seu corpo economiza energia, reduzindo a temperatura do seu corpo (diminuindo o metabolismo), diminuindo seus sucos digestivos (reduzindo a sua digestão), diminuindo o pulso e diminuindo a função da tireóide (resultando em menos energia).

Estes todos são planos emergenciais de sobrevivência e economia de energia (gordura) adotados pelo seu corpo, para ajudá-lo a durar mais tempo com menos comida.

Isto é exatamente o oposto do que você quer quando se está tentando ficar saudável para perder peso, porque seu metabolismo era acelerado, mas agora está lento.

Erro nº 3: uma dieta de baixo índice de proteína

Uma dieta com baixo índice proteico resultará em uma queima de caloria muito lenta. Porque? O fígado e seus processos de desintoxicação são altamente dependentes de proteídeos.  Para que um fígado seja plenamente saudável, a ingestão de proteínas é um pré-requisito para o manejo adequado do açúcar no sangue e a conversão dos hormônios liberados pela tireóide. Reconsidere a sua dieta de baixa quantidade de proteína ou mesmo se você estiver procurando por saúde a longo prazo e almejando a perda de peso.

Erro nº 4: cortar todas as coisas categorizadas como “açúcar”

Embora os adoçantes como o xarope de milho de alta frutose, os adoçantes dietéticos e o agave sejam ótimos, algumas pessoas são muito radicais e cortam muito açúcar nutritivo de sua dieta, como frutas, sucos de frutas frescas, melaço e até o mel!

Cortar o açúcar completamente pode causar no seu metabolismo um grande colapso, dificultando a capacidade natural do seu corpo em armazenar o glicogênio, o que é necessário para converter o hormônio tireoidiano inativo (t4) na forma ativa (t3), que mantém o funcionamento do seu metabolismo.

Cortar muitas frutas com potássio e vegetais ricos em amido também podem diminuir seus níveis de potássio, o que realmente atrapalha ainda mais a função da tireóide. Isso definitivamente não é uma coisa boa para quem quer perder peso! Por este motivo é que você sempre deve questionar uma dieta que está instruindo você a não comer frutas.

Erro nº 5: privar o seu corpo

Na prática, o excesso de peso significa um déficit nutricional grave. Como você resolve um déficit? Definitivamente não é limitando ou privando seu corpo de nutrientes (limitar calorias = restringir nutrientes).

Se você está tentando fazer uma dieta que geralmente é insatisfatória; você não se sente saciado ou nutrido, e um sinal que você não está trabalhando para uma perda de peso saudável.

Uma boa dieta deve reduzir a sua ansiedade ao longo do tempo, e não torna-la mais acentuada. Você pode emagrecer enquanto responde às necessidades do seu corpo.

Acredite, se sentir fome é porque seu corpo está precisando de nutrientes. Sendo assim, coma, mas de forma consciente.

Erro nº 6: dietas sem gorduras

Há muita desinformação em torno da gordura. “Gordura faz você gordo” é a afirmação mais aceita por nós, mas de onde isso realmente surgiu?

As gorduras naturais (manteiga, óleo de coco, gemas de ovo, banha de porco etc.) foram usadas por milhares de anos pela humanidade sem efeito de “engorda”. A mania de baixo teor de gordura do início dos anos 90 teve um enorme efeito de lavagem cerebral sobre a percepção de alimentos saudáveis.

Quando você escolhe algum alimento sem gordura, você escolhe, naturalmente, alimentos com mais açúcar/carboidratos e alimentos com pouca proteína, porque a proteína em seu estado natural vem com uma dose saudável de gordura. Você também acaba comendo mais desses alimentos porque eles tem baixo teor de gordura, diminuindo seu poder de saciedade, o que significa que você tende a comer mais para ficar satisfeito.

Cortar gordura da sua dieta também rouba as vitaminas A, D, E e K, porque esses nutrientes são encontrados apenas em gordura.

Portanto, as dietas sem gordura empobrecem seu corpo de mais nutrientes, e esse é o pior inimigo da perda de peso.

Erro nº 7: não dormir o suficiente.

Não dormir o suficiente é um erro cometido por muitos de nós. Estudos mostram que aqueles que dormem menos de 6 horas tendem a consumir mais calorias no dia seguinte do que aqueles que dormem de 7 a 8 horas por noite.

Dormir bem melhora todo o funcionamento do corpo e com os processos de perda de peso não é diferente.

Sendo assim fortaleço a ideia que a perda de peso não acontece durante a noite, e ficar saudável para perder peso leva tempo. Respeite seu corpo, ouvindo seus desejos e alimentando-o corretamente.

A melhor maneira de obter resultados é jogar no mesmo time do seu corpo, e não contra ele!

Você gostou no nosso artigo? Então não deixe de compartilhar nas redes sociais e não se esqueça de baixar nosso e-book gratuito com 10 dicas para você emagrecer sem passar fome clicando aqui.

 

Para encontrar este artigo você pesquisou:

  • alimentos que dificultam o emagrecimento
  • 5 alimentos que não deixam emagrecer
  • piores alimentos para a barriga
  • quais os alimentos que impedem o emagrecimento
  • hormônios que dificultam a perda de peso
  • erros que atrapalham o emagrecimento
  • dificuldade para emagrecer mesmo fazendo dieta
  • piores alimentos para dieta

BAIXE GRATUITAMENTE NOSSO E-BOOK CONTENDO 15 RECEITAS EXCLUSIVAS PARA EMAGRECER!

3 Comentários

  1. Me identifiquei com vários erros, mas assim, ter uma alimentação diária da porcentagem exata da caloria que você precisa, talvez possa ser uma boa idéa!

    • Exatamente, controlar a quantidade de calorias consumidas é algo que poucas pessoas fazem. E esse é um dos motivos que faz com que ela não emagreça.
      nosso e-book “Emagrecer Sem Fome“, mostra exatamente isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge